Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Monte Mor / SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Monte Mor / SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social YouTube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
AGO
26
26 AGO 2021
ADMINISTRAÇÃO
Casa da Juventude de Monte Mor totalizará investimento de R$ 800 mil
enviar para um amigo
receba notícias
PROCESSANDO ÁUDIO
Expectativa do governo do prefeito Edivaldo Brischi é iniciar a obra ainda este ano.

Em fase final de assinatura de convênio com o Governo do Estado de São Paulo, a Casa da Juventude de Monte Mor, que será construída no bairro Jardim Paulista, ao lado da UPA (Unidade de Pronto Atendimento), já é uma realidade no município, devendo totalizar o investimento de R$ 800 mil. Esta informação foi divulgada pelo prefeito Edivaldo Brischi e o subsecretário estadual da Juventude, Luiz Oliveira, durante solenidade de posse da primeira diretoria eleita do CMJ (Conselho Municipal da Juventude), realizada nesta terça-feira, dia 24, no Auditório José Luiz Gomes Carneiro, no Centro Esportivo Joaquim Baptista Alves, o "Joaquinzão”. 

Tanto o CMJ, que tem caráter consultivo e deliberativo, quanto a futura Casa da Juventude de Monte Mor estão vinculados e recebem total apoio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Social, que é comandada pela secretária municipal, Elaine Ravin Brischi. O objetivo é propor, deliberar, contribuir na normatização, acompanhar e fiscalizar políticas relativas aos direitos da juventude de Monte Mor.

É importante destacar que o CMJ, que é um instrumento de participação popular direta, os jovens poderão colaborar e acompanhar a elaboração e execução de políticas públicas de juventude para Monte Mor. “Além disso, eles poderão propor ao nosso governo o desenvolvimento de atividades que ajudem de fato a integração cultural, econômica, social e política da juventude”, destacou Edivaldo Brischi, ao acrescentar que a Secretaria comandada pela secretária municipal, Elaine Ravin Brischi, vai oferecer ao órgão o que for necessário para seu funcionamento, como o local e a infraestrutura para a realização das reuniões.

A CASA DA JUVENTUDE

A expectativa do governo do prefeito Edivaldo Brischi é iniciar a obra da Casa da Juventude ainda este ano, com previsão de entrega e inauguração para abril do ano que vem. É importante destacar que do total de 645 municípios paulistas, Monte Mor está entre os 40 selecionados para receber o projeto da Subsecretaria Estadual da Juventude.  

Segundo salientou o subsecretário, que também é presidente do Conselho Estadual da Juventude, o Governo do Estado está investindo cerca de R$ 30 milhões na construção dessas 40 unidades da Casa da Juventude. Ele explicou que neste momento pelo qual passa o país, com enfrentamento da  COVID-19 e com a retomada econômica, a Casa da Juventude se torna ainda mais importante. Afinal, de acordo com Luiz Oliveira, o local possibilitará ao jovem a oportunidade de qualificação profissional, de aprendizado sobre economia criativa e também de recolocação no mercado de trabalho.

“Com este projeto a gestão do governador João Doria foca no emprego e renda do jovem, que foi tão afetado nesta pandemia. Cerca de 33% dos jovens perderam seu posto de trabalho e consequentemente largaram os estudos e também deixaram de contribuir em casa, resultando em um grande problema econômico e social. É preciso amparar este jovem para que ele possa regressar ao mercado de trabalho e é o que podemos fazer por meio da Casa da Juventude”, comentou o subsecretário.

O prefeito agradeceu o subsecretário e lembrou que a instalação da Casa da Juventude em Monte Mor é mais um compromisso assumido durante a campanha eleitoral que está sendo cumprido. “Nossa intenção é instalar no local projetos profissionalizantes voltados ao jovens de Monte Mor”, anunciou Edivaldo Brischi, ao complementar que Monte Mor está crescendo e que com pavimentação da estrada do Rio Acima, ligando ao Aeroporto Internacional de Viracopos, muitas empresas virão para o município e consequentemente irão necessitar de mão de obra qualificada.  

DIRETORIA EMPOSSADA

Instituído por meio da Lei nº 2814, sancionada pelo prefeito Edivaldo Brischi e publicada no Diário Oficial, do dia 12 de abril, o novo órgão do município teve a primeira diretoria empossada pelo subsecretário estadual da Juventude, Luiz Oliveira; pela secretária municipal de Desenvolvimento Econômico e Social, Elaine Ravin Brischi e pelo presidente da Câmara Municipal de Monte Mor, Alexandre Pinheiro (PTB). 

O presidente do CMJ é Vinícius Freitas da Silva,  que foi eleito, com 16 votos, do total de 18 membros votantes, e é representante da sociedade civil pela Associação Judô e Vida. O vice-presidente é Marcelo Luís Silvério, conhecido por Marcelo Lírio, representante do poder público, pela Secretaria da Educação e Cultura, que na solenidade de posse foi representado por seu suplente Ronaldo Corrêa. 

Composta paritariamente por 14 membros efetivos e suplentes, sendo sete da sociedade civil e sete do poder público, a diretoria do novo órgão terá um mandato de dois anos. Neste período serão permitidas reconduções, devendo este período coincidir com  tempo com o prazo de realização da Conferência Municipal da Juventude, que será convocada pelas Secretarias Municipais de Governo e Desenvolvimento Econômico e Social, ainda em data a ser definida.

Além do presidente e vice-presidente, compõem  a diretoria, 1º Secretário, Esther Meres Falconi; 2° Secretário, Pedro Lucas Pereira da Silva; 1° Tesoureiro, Mirela Caroline Muller; 2° Tesoureiro, Rafaela Araújo Barbosa; 1° Secretário de Comunicação:  Mikaela  Barbosa; e 2° Secretário de Comunicação, Stefano Galdino Pedindo.  
É importante destacar que as funções dos membros do CMJ são consideradas serviço público relevante, vedada, porém, sua remuneração a qualquer título. 

SOLENIDADE DE POSSE

A solenidade de posse da primeira diretoria do CMJ contou com a participação dos vereadores Altran (MDB), Andrea Garcia (PTB), Beto Carvalho (DEM), Camila Hellen (Republicanos), Pavão (MDB), Professor Fio (PTB), Wal da Farmácia (PSL), Vitor Gabriel, o Bi. Já os vereadores Professor Adriel (PT), Paranhos (MDB) e Milziane (PSDB), foram representados por assessores, Fábio Calixto, Jéssica Mello e Valéria Rezende, respectivamente. 

Também estiveram presentes os secretários municipais de Administração, Trânsito e Mobilidade Urbana, Thiago Guilherme Ebert; de Finanças, Silva Zanetti; de Defesa Civil, Elias Miguel Jalbut; de Esportes, João Victor Muro; de Meio Ambiente e Agricultura, Bruno Ross Matheus; e o Procurador Geral do Município, Renato Violardi. Ainda participaram os presidentes de três conselhos municipais, do CMDI (Conselho Municipal dos Direitos do Idoso), Carmem Silva Monteiro Muro; do CMAS (Conselho Municipal de Assistencia Social), Maria Stela Cavallaro Forchetti; e do CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolesente), Davi Leandro. 

Durante a solenidade o prefeito fez questão de agradecer e enfatizar a importância da Câmara Municipal para a constituição do CMJ e também da vinda para Monte Mor da Casa da Juventude. “Os primeiros passos para a instituição do CMJ e também para o projeto do Governo do Estado de São Paulo foram dados conjuntamente com o Poder Legislativo”, contou Edivaldo Brischi, ao recordar que o assunto foi abordado em reunião realizada no dia 3 de maio, em São Paulo, na qual estavam presentes também o vice-prefeito, Ronaldo Tuim (Solidariedade), o presidente da Câmara Municipal, Alexandre Pinheiro e o vereador Vitor Gabriel, o Bi.
“Na ocasião em São Paulo, participamos do lançamento do projeto Casa da Juventude, quando foi reforçado que a unidade é voltada a abrigar iniciativas de capacitação aos jovens, para que eles possam se desenvolver com criatividade e com o empreendedorismo”, explicou o prefeito, ao acrescentar que por isso é que Monte Mor saiu na frente de muitas outras cidades, com população menor que 150 mil habitantes e já providenciou a instituição do Conselho da Juventude.  

O presidente Alexandre Pinheiro disse que estava muito feliz por ter contribuído para que o jovem de Monte Mor possa exercer sua cidadania e protagonizar a elaboração de políticas públicas para o município. 

“Nossa cidade vem padecendo pela falta de políticas públicas para os jovens há muito tempo e agora isso será uma realidade, com fortalecimento do diálogo para promoção do direito da juventude de Monte Mor”, finalizou o chefe do Poder Legislativo.
Galerias de Fotos Vinculadas
Vídeo Vinculado
25/08/2021
Posse do Conselho Municipal de Juventude de Monte Mor
A Diretoria do Conselho Municipal da Juventude de Monte Mor tomou posse nesta terça-feira (24). A solenidade aconteceu no Auditório do "Joaquinzão”, com ...
Seta
Versão do Sistema: 3.2.5 - 03/08/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia